AdWords
144 Usuários online agora
144 Usuários online agora
Espaço dedicado para dúvidas relacionadas às políticas do AdWords e aprovação de anúncios
Guie-me
star_border
Responder

links encurtados para anúncios em forma de banner

Calouro ✭ ✭

Olá pessoal boa noite.

 

Tenho uma dúvida. 

O Google Adwords permite a criação de campanhas em formato de banner para rede de display cuja URL de destino seja um link encurtado?

 

Eu sei que anúncios na rede de pesquisa não são permitidos anúncios com a URL de destino diferente da URL de visualização.

 

Fico no aguardo

Boa Noite

Especialistas responderamverified_user

Soluções aceitas
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita pelo autor do tópico Junior F
Maio 2016

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

[ Editado ]
Principal Colaborador

Olá Junior, com vai?

 

O Adwords não aceita URLs encurtadas e seu anúncio provavelmente não será aceito, ou se for, com certeza será reprovado.

 

O Google pula todo e qualquer redirecionamento que exista no caminho, e um encurtador é apenas um redirecionamento.

 

Se você tem um link como "goo.gl/a23Xsd" que manda para "meusite.com.br", o Google considera "meusite.com.br" e ignora o restante.

Qual seria a necessidade de inserir o link encurtado e não a URL final diretamente?
_

Exibir solução no post original


Todas as respostas
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita pelo autor do tópico Junior F
Maio 2016

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

[ Editado ]
Principal Colaborador

Olá Junior, com vai?

 

O Adwords não aceita URLs encurtadas e seu anúncio provavelmente não será aceito, ou se for, com certeza será reprovado.

 

O Google pula todo e qualquer redirecionamento que exista no caminho, e um encurtador é apenas um redirecionamento.

 

Se você tem um link como "goo.gl/a23Xsd" que manda para "meusite.com.br", o Google considera "meusite.com.br" e ignora o restante.

Qual seria a necessidade de inserir o link encurtado e não a URL final diretamente?
_

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Calouro ✭ ✭
Obrigado pela resposta Leandro.

Na verdade o link encurtado seria para controlar as métricas, taxas de clique etc. E também para poder trabalhar com programas de afiliados, mas enfim, vc foi bem claro e entendi perfeitamente.

Mas aproveitando a oportunidade me responda outra pergunta.

Seria possível enviar para uma página minha, porém esta página ser totalmente preenchida por um iframe de outro domínio?

Tipo um iframe de outro site que cobriria toda a página, será que o google rejeitaria minha campanha ou ele consideraria o conteúdo do iframe?

Fico no aguardo, valeu.

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Principal Colaborador
Pra você poder trabalhar como afiliado no Adwords da maneira correta você precisaria ter um domínio próprio e criar uma página para o seu serviço ou produto, ou então teria que enviar o tráfego diretamente para a página da pessoa se essa fosse uma página adequada para as políticas do Adwords.

Não é possível enviar o usuário para uma página com um iframe copiando um site inteiro também, e seu site poderá ser suspenso de acordo com a política chamada Abuso da Rede de Anúncios. O texto que cita exatamente a parte dos iframes foi alterado e não existe mais, mas a política ainda é a mesma. Sugiro que você leia por aqui: https://support.google.com/adwordspolicy/answer/6020954?hl=pt-BR

Espero que ajude.
_

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Calouro ✭ ✭
Dúvidas sanadas. Obrigado Leandro!

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Principal Colaborador
exatamente, se vc utilizar o iframe o Google pode considerar que você esta redirecionando o usuário para um site diferente do anunciado

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Principal Colaborador

leandrofm escreveu:

Olá Junior, com vai?

 

O Adwords não aceita URLs encurtadas e seu anúncio provavelmente não será aceito, ou se for, com certeza será reprovado.

 

O Google pula todo e qualquer redirecionamento que exista no caminho, e um encurtador é apenas um redirecionamento.

 

Se você tem um link como "goo.gl/a23Xsd" que manda para "meusite.com.br", o Google considera "meusite.com.br" e ignora o restante.

Qual seria a necessidade de inserir o link encurtado e não a URL final diretamente?
_


@leandrofm

 

Na verdade pode sim, bastaria especificar durante a criação do anúncio:

 

URL de visualização: meusite.com.br

URL Final: http://meusite.com.br  

Modelo de acompanhamento: http://goo.gl/a23Xsd

 

O anúncio será aprovado sem problemas, e cada clique irá passar pelo encurtador antes de ser redirecionado ao website.

 

 

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Principal Colaborador
Tive problemas com algumas campanhas, principalmente as fora do Brasil que queriam utilizar encurtadores.

O direcionamento do time do Google foi que esses encurtadores abertos muitas vezes causavam problema, quebrando link ou demorando no carregamento, prejudicando a experiência do usuário. Com isso, o anúncio era reprovado muitas vezes e indicaram não fazer o uso. Chegaram a citar algo das políticas, algo que rebati já que nas Diretrizes Editoriais não se fala nada disso.

A recomendação foi de usar o serviço de algum terceiro para fazer a mensuração dos dados através de redirects, já que muitos deles possuem homologação do Google para atuar e seria mais recomendável. Foi o que eu fiz Smiley feliz
_

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Principal Colaborador

leandrofm escreveu:
Tive problemas com algumas campanhas, principalmente as fora do Brasil que queriam utilizar encurtadores.

O direcionamento do time do Google foi que esses encurtadores abertos muitas vezes causavam problema, quebrando link ou demorando no carregamento, prejudicando a experiência do usuário. Com isso, o anúncio era reprovado muitas vezes e indicaram não fazer o uso. Chegaram a citar algo das políticas, algo que rebati já que nas Diretrizes Editoriais não se fala nada disso.

A recomendação foi de usar o serviço de algum terceiro para fazer a mensuração dos dados através de redirects, já que muitos deles possuem homologação do Google para atuar e seria mais recomendável. Foi o que eu fiz Smiley feliz
_

Não faz sentido a resposta do suporte, pois encurtadores e modelos de acompanhamentos são tecnicamente a mesma coisa: fazem um redirecionamento 301 após coleta de dados - os encurtadores recolhem estatísticas assim como os modelos de acompanhamento mas de maneira bem simples. 

 

A Google teve todo aquele trabalho de fazer toda a migração de URL de destino para URL final somente para incluir eles de modo oficial, uma vez que eram usados de maneira extra-oficial por anos, não faria sentido deixar de aceitar eles ainda mais com uma política anônima.

 

Provavelmente fez algum erro de configuração que o suporte não soube detectar: Se você por exemplo mudar uma única letra entre o URL final e o URL configurado no encurtador, o anúncio é reprovado - o URL final, pode por si fazer redirecionamentos dentro do mesmo domínio, mas ele antes do redirecionamento deve exatamente bater com o URL redirecionado pelo encurtador - para ter ideia já tive anúncios reprovados por troca de ordem de parâmetros de URL e em outro caso por incluir o www. no final que não havia incluído no encurtador.

 

 

 

 

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Re: links encurtados para anúncios em forma de banner

Principal Colaborador

@Gravity foi exatamente o meu questionamento com eles. Não faz sentido reprovar o encurtador e não os outros serviços que funcionam da mesma forma. Bati nisso por um tempo, pois inclusive, o atendimento era o direto já que era uma conta grande e caia dentro dos verticais. Insistiram no assunto, dizendo que ia contra as políticas e etc. Não sei se é uma forma de forçar anunciantes utilizarem os parceiros, mas vi relatos de conhecidos com o mesmo problema. Na dúvida sigo no que bateram o pé de que não pode.

_