265 Usuários online agora
265 Usuários online agora
Bem-vindos à Comunidade Oficial do Google AdWords
star_border

Layout responsivo não é a (única) solução para os varejistas

Layout responsivo

 

Antes de ler o restante do texto, clique aqui e vá diminuindo o tamanho da janela do navegador. Se estiver num tablet ou smartphone, altere a orientação do dispositivo. Enfim, isso é um layout responsivo. Agora acesse este link. Isso é um layout construído especialmente para mobile.

 

Atualmente os usuários são multi-plataforma. De acordo com o local, eles utilizam algum dispositivo para ter acesso à internet. Em casa, computadores e tablets. Na rua, smartphones. É indispensável que o site acessado funcione bem e ofereça uma excelente experiência independente do dispositivo, mas infelizmente isso (ainda) não é realidade.

 

Os usuários têm necessidades, costumes e formas de navegação diferentes em cada dispositivo. O layout responsivo foi criado justamente para atender essa necessidade. Oferecer a melhor experiência e conteúdo em qualquer situação, automaticamente. Mas em alguns casos, não está sendo utilizado adequadamente. As pessoas acham que basta a largura do site se ajustar às dimensões do dispositivo e esconder alguns elementos que está tudo certo. Mas não é sobre isso que quero falar agora.

 

Recentemente li um artigo no E-Commerce News que me deixou incomodado. Pelo menos para mim, o autor deixou claro que layout responsivo é a principal solução para os sites de varejo em relação a dispositivos móveis. Concordo que esse conceito de design é muito bom e promissor, mas acredito que não se aplica a maioria dos sites varejistas no Brasil. Esse tipo de trabalho requer um “design mais clean”, algo próximo do minimalismo. Não consigo imagina o Submarino com essa cara, por exemplo. Para que os sites atuais aderissem ao layout responsivo, seria necessário um total redesign e muito planejamento. Será que não seria mais barato simplesmente construir um site próprio para mobile? Para o usuário final não faria diferença. Muito menos para as campanhas de marketing.

 

Que fique claro que não sou contra o layout responsivo. Mas ele é muito mais trabalhoso em relação a um site construído especialmente para mobile, sendo que o resultado é praticamente o mesmo. Só acho que para o usuário, não importa a tecnologia utilizada no site, o importante é que ele atenda às suas necessidades.

 

 

PS 1: Obrigado pela contribuição, Erico.

 

PS 2: Essa é minha opinião sobre o assunto e o Erico não compartilha dela necessariamente.

 

Me circule no Google+ 

Comentários
por AntonioMuniz Principal Colaborador
Maio 2013

Ola Bruno excelente artigo,

 

Sobre seu ponto de vista não discordo nem concordo, o que conheço dos sites responsivos é que tudo ira depender principalmente de como o site for montado.

 

Realmente um site mobile não é feito apenas de largura e esconder informações, muito pelo contrário seu objetivo é exibir todas as informações nas limitações de cada plataforma de forma que a leitura seja agradável e fácil.

 

A vantagem dos sites responsivos quando bem estruturados é que eles se adaptam perfeitamente a qualquer formato de tela e com isso independente da criatividade das empresas de tecnologia os sites conseguem se encaixar perfeitamente, o que já não ocorre com sites montados exclusivamente para mobile, já que cada tela passa a necessitar de um layout.


Vejamos o exemplo do Ponto Frio que fica perfeito para celulares, mas já fica estranho em um tablet.

 

Independente de qual a forma que for montada a estrutura do site a preocupação deve estar pelo menos em atender todos os possíveis Gadgets existentes.

 

Por coincidência publiquei ontem um artigo em meu blog que fala exatamente das mudanças de comportamento do consumidor devido ao mobile, talvez sirva como um complemento Mobile – O Comportamento do Consumidor Mudou de Novo

por pelati Principal Colaborador
Maio 2013

Bruno,

 

Muito bom o artigo, parabéns!

 

Para mim, essa frase do texto é que define tudo: "Os usuários têm necessidades, costumes e formas de navegação diferentes em cada dispositivo".

 

Acredito que o layout responsivo para Desktops e Tablets é o ideal em 99,9% dos casos, pois a diferença do tamanho da tela não é significativa a ponto de remover informações essenciais do site.

 

O problema é justamente identificar qual o objetivo do usuário que acessa um site pelo celular, pois, nesse caso, o espaço é muito limitador, prejudicando a exibição das informações e dificultando o preenchimento dos campos cadastrais.

 

Nós vemos alguns e-commerces é facilitando o processo de compra, pré-carregando os dados do usuário, porém, no meu caso isso não basta, pois, ao fazer uma compra na web, faço todo aquele processo de pesquisa e decisão e, nesse ponto, os sites mobile deixam muito a desejar.

 

Assim, acredito que a solução de US$ 1.000.000 é identificar o tipo de acesso do usuário mobile (navegacional, informacional ou transacional) e entregar o que ele deseja.

 

 

por RicardoFernande
Maio 2013

Estou quase finalizando o layout de um Ecommerce que escolhemos o Html responsivo ao invés de criar um aplicativo ou uma versão mobile específica. A escolha se fez justamente pela capacidade de ajustar até 4 layouts que planejamos:

 

- Desktop

- Pads

- Celulares deitados

- Celulares em pé

 

A facilidade em usar o mesmo HTML para todos mudando apenas o a folha de estilos é sensacional, muito fácil de trabalhar e o resultado é excelente...

 

Mas vamos falar agora sobre o seguinte, na versão Celular eu somente escondo os banners que somam 1mb em meu layout. Mesmo que eles não estão sendo exibidos, eles estão alí.

 

O que fazer?

Tags