430 Usuários online agora
430 Usuários online agora
Bem-vindos à Comunidade Oficial do Google AdWords
star_border

O Dia do Juízo Final de uma Palavra-Chave do Google Adwords

O Dia do Juízo Final de uma Palavra-Chave do Google Adwords

 

Pausar ou excluir uma palavra-chave e sacramentar o Juízo Final é uma decisão estratégica que precisa de alguns cuidados especiais, neste artigo iremos conferir todas as variáveis possíveis que devem ser consideradas antes de se ter o veredito.

 

1-) Consulta de Pesquisa de uma Palavra-Chave do Google Adwords

 

Se você utiliza a correspondência de palavra-chave [exata], avance por favor para a próxima etapa, este passo é para quem utiliza correspondências de palavras-chave ampla, “frase” ou +ampla +modificada.

 

Primeiramente entenda o que é a Consulta de Pesquisa.

 

Este é um dos passos fundamentais antes de pausarmos ou excluirmos uma palavra-chave, é altamente recomendado para quem utiliza as correspondências de palavras-chave ampla, "frase"ou +ampla +modificada realizar periodicamente a Consulta de Pesquisa, assim você saberá para quais palavras-chave adicionais seus anúncios estão aparecendo, você poderá adicionar e negativar palavras-chave, melhorando a performance de sua campanha.

 

Um bom exemplo, é a palavra-chave franquia em correspondência ampla de uma empresa fictícia chamada XYZ Imports, o objetivo desta organização é atrair clientes interessados em abrir franquias no setor automotivo, ao incluir a palavra-chave franquia em correspondência ampla, o anúncio será exibido para pesquisas relacionadas como franquia de sorvete, franquia de automóveis ou abrir franquia chocolate.

 

Neste caso, sorvete e chocolate não condizem com o objetivo de negócio da empresa, o método recomendado é acessar a Consulta de Pesquisa e negativar estas palavras-chave, se este checklist não fosse feito é bem provável que O Dia do Juízo Final desta palavra-chave tivesse chegado, perdendo potenciais clientes, este é um passo extremamente importante e precisa de atenção especial.

 

2-) Funis de Pesquisa de uma Palavra-Chave do Google Adwords

 

Primeiramente vamos entender o que são os Funis de Pesquisa.

 

Um dos temais mais debatidos atualmente quando falamos de Marketing Digital são os Funis Multicanais que nada mais são o quanto que uma mídia influencia na conversão de outra mídia, esta mesma metodologia podemos aplicar  nas palavras-chave, mas o nome desta metodologia são os Funis de Pesquisa como citado acima.

 

Para entender melhor o comportamento de um usuário que influencia os Funis de Pesquisa, temos o Sr. Silva que é um aficionado por viagens, neste ano ele está buscando uma viagem para ir com a família, ele acessa o Google pela palavra-chave viagem pelo Brasil e acaba conhecendo a empresa XYZ Viagens e se interessa pela viagem para Porto de Galinhas.

 

Após longa conversa com a família, o Sr. Silva entra no Google já com o destino em mente e busca por viagem para Porto de Galinhas, como a empresa XYZ Viagens possui uma campanha bem estruturada, o usuário é impactado novamente através desta palavra-chave mais específica, a empresa possui uma landing page vencedora e convence o Sr. Silva a comprar a viagem para a sua família.

 

Este é um exemplo básico do ciclo de conversão de um usuário, em determinados momentos uma palavra-chave pode não ser responsável pela conversão direta, mas contribuiu para uma conversão futura, é preciso analisar e saber se realmente vale a pena pausar ou excluir uma palavra-chave que é o início do ciclo de compra de um usuário, é bem provável que o Dia do Juízo Final para a palavra-chave viagens pelo Brasil esteja muito distante, mas é preciso decidir estrategicamente o valor daquela atribuição, vale a pena ou não?

 

3-) Palavras-Chave do Google Adwords x Métricas Qualitativas do Google Analytics

 

O Dia do Juízo Final de sua palavra-chave pode estar próximo ou não, este tópico trata de um passo não menos importante dos que foram citados acima, a qualidade de navegação do usuário para uma palavra-chave em um determinado site que pode ser 100% mensurado através softwares de mensuração, como o Google Analytics.

 

Antes de mais nada precisamos definir quais são os índices que consideramos bons para a navegação de um usuário em um determinado site, suponhamos que temos o E-Commerce XYZ Brindes Corporativos e a análise diz que os bons índices de navegação são:

 

·      Duração Média da Visita: igual ou superior a 00:04:00

·      Páginas por Visita: igual ou superior a 5

·      Taxa de Rejeição: igual ou inferior a 30%.

 

Vejamos o exemplo da Natália, ela acessou o E-Commerce XYZ Brindes Corporativos através da palavra-chave brinde para clientes e navegou por volta de 00:05:13, acessou 6 páginas e não fez qualquer tipo de compra no site da empresa, esta navegação podemos considerar boa pelas KPI`s já definidas em nossa estratégia inicial, a usuária consumiu o conteúdo da empresa, mas por qual motivo não foi feita uma compra?

 

Lembrando que neste item estamos tratando apenas da palavra-chave brinde para clientes, as métricas qualitativas não estão mostrando que a visita é desqualificada, neste momento o Mundo ideal é levantar as hipóteses para esta não conclusão, abaixo citaremos algumas hipóteses como exemplo:

 

·      A cliente acessou o meu site por uma palavra-chave que não remete diretamente a compra, ela conheceu meu produto e pode se tornar uma futura cliente;

·      Meu site não está vendedor e precisamos de promoções mais agressivas;

·      Meus concorrentes possuem preços mais atrativos.

 

Acima temos três exemplos clássicos do que pode acontecer, obviamente as hipóteses irão se adaptar para cada website, mas se um usuário possui boa qualidade de navegação em seu site e não se torna um cliente, o problema pode não ser a palavra-chave, pausando ou excluindo poderemos estar perdendo a oportunidade de conquistar novos clientes, neste caso o recomendado é testar as hipóteses para se ter um diagnóstico preciso.

 

4-) Dicas Extras Dia do Juízo Final de uma Palavra-Chave do Google Adwords

 

Anúncios vencedores

Podem influenciar também na performance de uma palavra-chave, é importante estar atento a este ponto.

 

Planejador de Palavras-Chave

Auxiliam a ter novas ideias de palavras-chave ou grupos de anúncio.

 

5-) Conclusão

 

Como pudermos ver nos itens descritos acima, a tomada de decisão para pausar ou não uma palavra-chave depende de fatores primordiais, O Dia do Juízo Final pode estar próximo, mas elaborar um diagnóstico e entender o comportamento pode auxiliar você na evolução de uma campanha.

 

Mas qual item eu devo considerar como primordial para otimizar uma campanha?

 

Não existe uma ordem dos itens, a recomendação é que todos os passos descritos sejam executados, somente assim teremos um diagnóstico preciso da pausa ou exclusão de uma palavra-chave.

 

E assim concluímos com as três dicas fundamentais para se dar ou não o veredito do Dia do Juízo Final de uma Palavra-Chave do Google Adwords.

 

Boa sorte em sua otimização!

Sobre Alexandre Perez

Formado em Publicidade e Propaganda e Gestão da Comunicação Empresarial pela Universidade Anhembi Morumbi. Trabalho com marketing digital focado em performance há 8 anos. Violão e trilha como hobbies para fugir da loucura do dia a dia.

Comentários
por AntonioMuniz Principal Colaborador
Fevereiro 2014

Alexandre o artigo é bom, mas passou muito por cima do que eu experava pelo título, as estratégias que você apresenta na minha opinião são bem básicas e nem todas lógicas para definir se a palavra-chave merece ou não ser excluida.

 

Talvez modificar o título para e trazer o artigo para um outro proposito possa torna-lo melhor.

 

Entenda que é apenas minha opinião

por Gravity Principal Colaborador
Fevereiro 2014

Legal o artigo Alexandre!

 

Antonio, eu não achei o artigo básico não... Tem até alguns itens básicos, mas olhe por base o item (3) - nada de básico ali...  

 

Concordo que o Título cria uma expectativa, mas faz parte da estratégia nossa tentar criar títulos atraentes né? Smiley feliz

por AntonioMuniz Principal Colaborador
Fevereiro 2014

Então Érico acho que se ele tivesse se aprofundando mais ou focado no item 3 o artigo seria excelente, mas acho que ficou faltando a conclusão de como tomar a decisão, de como ele utilizaria por exemplo as 3 hipoteses para definir se excluiria ou não a palavra-chave.

 

Concordo com você de que o título precisa ser atrativo, mas como falei na minha opinião eu esperava outro assunto abordado, li o artigo todo esperando encontrar o motivo que levaria a decidir sobre o Juízo Final e fiquei frustrado de não encontrar.

 

Entenda não critico a criatividade empregada no titulo, inclusive achei o título ótimo, só achei que ele me criou uma falsa expectativa.

 

Posso estar sendo chato, mas é minha opinião

por Alexandre Perez
Fevereiro 2014

Oi Antonio,

 

Obrigado pelo feedback com os seus apontamentos, muito bacana!

 

Neste artigo eu mostrei as variáveis que envolvem uma palavra-chave em questão, todas que acredito serem importantes antes da tomada de decisão se pausar ou excluir uma palavra-chave, a ideia é mostrar a quem faz otimizações que não basta somente olhar uma das pontas de uma campanha, mas olhar também outras variáveis, pois o todo lá na frente faz a diferença.

 

E sobre o título, que dica você poderia me dar? O que você esperava quando leu o título que coloquei.

 

Tks

 

Alexandre Perez

por Alexandre Perez
Fevereiro 2014

Oi Erico,

 

Obrigado pelos elogios e a sua análise do artigo!

 

Realmente os títulos fazem a diferença, sempre! Rs

 

Tks

 

Alexandre Perez

por AntonioMuniz Principal Colaborador
Fevereiro 2014

Então Alexandre eu acho que na contra resposta que você me deu, você tem a resposta a pergunta que me fez.

 

O seu artigo fala muito bem em meios de analisar se a palavra-chave esta sendo produtiva ou não, mas não chega a uma conclusão de como deve ser tomada a decisão de excluir ou não a palavra-chave.

 

E seu título da a entender que você vai falr em como tomar essa decisão, foi principalmente isso que me passou essa falsa expectativa.

 

Mas parabéns pelo desempenho em fazer o artigo

por Alexandre Perez
Fevereiro 2014 - editado pela última vez Fevereiro 2014

Oi Antonio,

 

Novamente obrigado pelos apontamentos!

 

No artigo eu mostrei as variáveis, mas caberá a quem otimiza a campanha saber se vale a pena ou não, pausar ou excluir uma palavra-chave, por exemplo:

 

  •  A palavra-chave franquia tem um CPA (custo por aquisição) de R$ 10,00, para minha empresa isso vale a pena?
  • A palavra-chave brinde para clientes possui um ROI de 5, eu consigo ter uma margem significativa?
  • A palavra-chave viagem pelo brasil possui um ROI de 0,5, mas se analisarmos o funil de pesquisa, ela possui um ROI Indireto de 4 (soma da receita direta + soma da receita de atribuição dividido pelo custo), vale a pena para meu negócio?

Na minha opinião a definição se uma palavra-chave vale a pena ou não dependerá de quem está do lado estratégico da conta como falei, um bom exemplo é que para você um ROI 5 na palavra-chave brinde para clientes pode ser bom, mas para mim não, devido as margens de lucro que tenho pela negociação realizada com meu fornecedor.

 

Tks

 

Alexandre Perez Hernandez

por RicardoFernande
Fevereiro 2014

Excelente artigo,

 

Gosto muito dessa visão crítica e reflexiva, parabéns!

por Alexandre Perez
Fevereiro 2014

Oi Ricardo,

 

Obrigado pelos elogios e o feedback!

 

Alexandre Perez Hernandez

por luciane f
Março 2014

Excelênte artigo me esclareceu diversas diversas dúvidas.

 

Obrigada

por Alexandre Perez
Março 2014

Obrigado Luciane, fico feliz em ter ajudado!

 

Tks

 

Alexandre Perez Hernandez

Tags