823 Usuários online agora
823 Usuários online agora
Bem-vindos à Comunidade Oficial do Google AdWords
star_border

Otimizando sua conta durante a inflação e alta concorrência no Adwords

Se a inflação conseguiu falir os Estados Unidos em 1929 imagine o que pode fazer com sua empresa. O aumento contínuo do custo por clique se resolve de duas formas: otimizando suas campanhas até o limite ou saindo da competição, e como você está lendo este artigo na comunidade do Adwords então acho que já tomou sua decisão.

 

Com uma concorrência muito acirrada sua empresa terá perdas com publicidade, mas é possível minimizar os prejuízos se agir de forma analítica. Nesse texto dou um panorama de onde começar a analisar os dados para tomar decisões que auxiliam você na luta contra seus concorrentes, entendendo o conceito é possível adaptar para o seu tipo de negócio.

 

Saiba contra quem está competindo

Quando se está doente pode ser perigoso tomar um remédio que não combata com precisão causa. Tomar um laxante quando se está gripado dá o mesmo resultado que fazer alterações aleatórias na sua conta do Adwords: você perde dinheiro, não traz o resultado esperado e ainda fica com uma sensação de mal estar. Se é preciso remediar as campanhas faça isso de forma pensada, e o primeiro passo é identificar quais dos seus concorrentes estão adoecendo o mercado com a inflação. Para cada um deles você executa uma tática diferente.

 

Ready_to_fight1.jpg

Se o concorrente está usando um fralda então ele se borrou de medo da sua empresa.

 

Imagine três concorrentes: a Gigante SA (uma empresa maior que a sua), a Menor Ltda (concorrente menor) e a Novata Co (um anunciante novo no mercado, sem experiência), todos inflacionando o CPC. Depois de muito analisar você chega às seguintes conclusões:

  • Não adianta brigar na força bruta contra quem é maior, então a melhor solução contra a Gigante é procurar alternativas de mídia e formatos de anúncios.
  • Se competir por preço com a Menor você consegue desbancar ela, tendo a vantagem do posicionamento sobre ela.
  • Já a Novata está queimando dinheiro e vai se afundar sozinha em algumas semanas, basta aguardar.

Aguardar a inflação passar funciona contra a Novata, mas é suicídio contra a Gigante ou a Menor. O que temos são três concorrentes e três soluções diferentes. Tendo isso mapeado basta encontrar quais termos cada concorrente usa e aplicar estas táticas.

 

Uma forma de conseguir esse panorama é utilizando a Ferramenta de Leilões do Adwords (Auction Insights).

1 auction insights.JPG

2 auction insights.JPG

 

Brigue pelo que te traz ROI

Um cálculo simples para encontrar o ROI é dividir a receita das vendas pelo valor investido. Se vendeu produtos no valor de R$1.200 com um investimento de R$950, seu ROI foi de 1,26. Valores acima de 1 indicam que sua empresa está tendo lucro e abaixo disso está perdendo dinheiro, a grosso modo.

 

Dentre as milhares de palavras-chave na sua campanha, algumas delas fazem sua empresa ganhar mais dinheiro do que outras. Configurando o comércio eletrônico no Google Analytics você consegue ter o valor da receita por palavra-chave e calcular esse índice de forma bastante precisa. Analisando os dados chega-se à conclusão de que vale a pena aumentar os lances para termos que possuem um ROI elevadíssimo para sua conta, enquanto outros podem ser reduzidos ou até mesmo pausados.

 

Acesse Aquisição > Google Adwords > Palavra-chave para encontrar este relatório já pronto (requer comércio eletrônico configurado).

receita ga.JPG

 

Se a média da conta é de ROI é de 1,26 e uma palavra possui ROI 3, ou seja, a cada um real investido você ganha três reais, vale a pena sair no braço e aumentar os lances até o limite por ela.

 

Saiba no que pode perder

Ninguém consegue abraçar o mundo, então nem tente.

big tree hug.jpg

"Primeiro esta árvore, depois, O MUNDO!"

 

Ganhar em todos os aspectos da vida é um sonho utópico, de algum lado você vai perder. Se vai brigar por CPC perde em ROI, se vai focar no ROI perde em volume, se esforçar em ganhar volume perde nos dois lados. Saber escolher é a grande sacada e nunca será definitivo, por hora pode valer a pena brigar pelo preço do clique, depois pela receita e em algum momento nenhuma dessas duas escolha será boa.

 

Dentre os competidores pode ser que seja impossível ganhar da Gigante SA, então se contentar com a segunda posição pode ser uma boa alternativa. Sua empresa ainda terá vantagem contra a Menor e a Novata, de forma que vai perder pouco (ou até mesmo ganhar mais ao longo do tempo). A história ensina que existe uma grande pressão em quem quer conquistar o mundo - Júlio César foi o maior imperador romano e foi traído, Hitler se suicidou e Napoleão foi exilado e morreu sozinho. Se você não quer que sua empresa acabe como eles, não repita os mesmos erros e saiba quando ceder.

Índice.jpg

"Até tu, Brutus?"

 

Use mais termos específicos

Se você leu ou assistiu os filmes de Senhor dos Anéis deve ser lembrar que foi Frodo, o pequeno hobbit, quem destruiu o anel. A moral dessa história de Tolken é de que a salvação pode vir das pequenas coisas e das pessoas que são consideradas menos importantes (isso é citado nos livros do Silmarillion e Contos Inacabados).

As palavras-chave mais específicas são menos importantes, trazem menor volume de usuários e geralmente são chatas de encontrar, mas são as que podem salvar sua conta. Essa é a teoria da Cauda Longa (longa tail) que se vê por aí.

 

É preciso garimpar quais palavras específicas trazem um bom resultado pra sua conta, isso leva tempo e a melhor alternativa é a ferramenta de Termos de Pesquisa.

termos de pesquisa.JPG

 

Outras ferramentas como Adgooroo, Hitwise Google Trends são também bastante úteis, mas infelizmente não tem forma rápida de fazer - é preciso ver uma a uma e avaliar a relevância para suas campanhas. Lembre-se, um desses pequenos termos pode salvar muito da sua empresa.

 

Retrabalhe anúncios e melhore a página de destino

Se suas campanhas já estiverem bem calibradas pode ser uma boa hora para retrabalhar anúncios gráficos e de texto. Depois de certo tempo os anúncios não são visualizados, isso é chamado de Cegueira de Anúncios (ad blindness), por isso é importante renovar o visual dos banner com frequência. Tente novas abordagens, novas frases, diga qual o benefício, use números no título (isso faz diferença, acredite) e replique anúncios com melhor desempenho.

 

Além disso é na página de destino que acontece a conversão, então fazer algo simples para o usuário converter é a melhor forma de lucrar. Neste artigo você encontra excelentes dicas para remodelar sua página caso trabalhe com serviços, pequenas dicas e truques que ajudam o usuário a converter. Se você tem um e-commerce copie o que o Amazon.com faz (de um um jeito inteligente, claro).

 

zebra-fighting-lion.jpg

Você pode conquistar seu espaço mesmo sem ter garras afiadas.

 

Estude bem o mercado, entenda onde pode agir e boas vendas!

 

Sobre Henrique Giacometti

Publicitário e estudante de engenharia elétrica, sempre buscando aprender mais sobre tudo.

Comentários
por Luis Galófaro J
Julho 2014

Excelente artigo Henrique, parabéns!

por erikaluzia
Julho 2014

Muito bom o artigo. Aproveitei muitas informações!

por Bianca
Julho 2014

Excelente artigo Henrique . 

 

Poderia me explicar o passo a passo para fazer o calculo do ROI das palavras?

 

por Caio A Funcionário do Google
Julho 2014

Somente artigos sensacionais nessa comunidade. Parabéns, Henrique! Smiley feliz

Já está no Facebook e Twitter do Google AdWords.

 

facebook.com/AdWords

twitter.com/GoogleAdWordsBR

por Adriano_Almeida
Julho 2014

Henrique e seus artigos sempre muito bem elaborados. Parabéns cara!

por Allyne M
Julho 2014

Muito bom! Smiley muito feliz

por EdsonJRodrigues
Julho 2014

Muito show, parabéns

por Alexandre Perez
Julho 2014

Muito bom o artigo Henrique e achei muito TOP as analogias!

 

Em varejo com alto volume de concorrência realmente o CPC é muito inflacionado. Nas campanhas que administro quando não dá para lutar contra os leões precisamos descer algumas posições, mesmo assim quem está em processo de compra vai pesquisar.

 

Abs

 

Alexandre Perez Hernandez

 

 

por DaniloSPeres
Julho 2014

Excelente Henrique, Parabéns! Show de bola o post =)

por HenriqueBG Principal Colaborador
Julho 2014

Muito obrigado pessoal, qualquer comentário é bem-vindo : )

por DaniloSPeres
Julho 2014

Eu tenho um comentário, crie mais artigos iguais a esse sempre... =)

por HenriqueBG Principal Colaborador
Julho 2014

B Dias, calcular o ROI é um conta simples, como o próprio nome já diz (retorno sobre investimento) você divide a receita obtida pelo custo realizado.

 

O custo você sabe qual é acessando diretamente o Adwords, já a receita por palavra-chave apenas pelo Analytics. Para isso basta inserir uma tag de e-commercer do próprio GA no seu site, tem o link explicando esse processo no texto.

Essa tag lê qual o valor de cada venda que foi feita pelo seu site, para cada produto. Ou seja, é possível registrar o valor exato do que foi vendido e quantas vendas foram feitas, com isso você já consegue calcular o ROI.

 

Digamos que uma palavra consuma R$ 320 no Adwords, já a receita pelo GA mostra que foi feita uma venda de R$390. Dividindo a receita (390) pelo investimento (320) temos um ROI de 1,21 - ou seja, essa palavra dá um lucro médio de 21% por venda.

 

Esse é o cálculo inicial de ROI, é possível deixar a conta mais rebuscada e detalhando mais os valores (considerando desistências, outros gastos imbutidos no investimento etc). Mas isso requer mais controle dos gastos.

por Egle Viel
Julho 2014

Parabéns. Vai ajudar muito. Obrigada

por Elisa Gerente da Comunidade
Julho 2014

Excelente artigo, @HenriqueBG ! Ganhou uma publicação nas Redes Sociais!

por aleaborges
Julho 2014

Muito bom post Henrique!

 

Algumas coisas que você mencionou é bem rotineiro aqui com meus clientes.

 

Valeu!

por RicardoFernande
Agosto 2014

#Compartilhado !

por Felipe F Funcionário do Google
Agosto 2014

Muito bom, Henrique! =)

por Mariana S Funcionário do Google
Agosto 2014

Sensacional!

por Filipe G Funcionário do Google
Agosto 2014

Valeu por compartilhar! Muito bom!

por Cezar Hokamura Antigo Principal Colaborador
Agosto 2014

Ótimo artigo e de fácil entendimento.

Alinhado a outros tópicos muito bons daqui, creio que aprendi mais aqui do que em cursos.

 

Att

por Ricardo-Gaya Principal Colaborador
Setembro 2014

Otimo artigo!!! Parabéns!

por junior
Outubro 2014

Oi Henrique, muito bom seu artigo.

 

Só fiquei com uma duvida, você sugere usar a ferramenta de leilões para descobrir quais termos meu concorente está usando e montar uma estrategia usando essas informações, porem, até onde eu sei essa ferramenta só mostra em qual posição você está em relação ao seu concorrente.

 

É isso mesmo ou eu realmente consigo ver quais termos meus concorrentes estão usando?

 

Valeu!

por Fernando F
Outubro 2014
junior , você pode usar o 
Planejador de palavras-chave e Adicionar ideias a seu planejamento, essa ferramenta é seu maior aliado para descobrir volumes de pesquisas por palavra chave e obter idéias novas para inserir em sua camapanha, diretamente você pode verificar na guia palavra-chave e selecionar a palavra específica que deseja verificar a posição no leilão, porém, descobrir da mesma forma em quais outros leilçoes em que vc não participa e saber as palavras do seu concorrente só fazendo uma boa análize de dados, mas po Adwords não irá dizer para você as palavras do seu concorrente de forma direta.

 

por HenriqueBG Principal Colaborador
Outubro 2014

Junior, acho que deixei esse trecho meio ambíguo mesmo, me referia ao panorama de concorrentes, não especificamente às palvras. Ainda são duas ferramentas diferentes, os Termos de Pesquisa (para encontrar novas palavras) e a Informação sobre Leilões (nos posicionar quanto aos concorrentes).

Tags