263 Usuários online agora
263 Usuários online agora
Bem-vindos à Comunidade Oficial do Google AdWords
star_border

Quando utilizar cada tipo de correspondência

Vou ser simples e direto: dê preferência para palavras-chave na correspondência exata.

Mas saiba como usar.

 

Quando você identifica que uma palavra vende mais e melhor, faça um esforço a mais para mantê-la como uma das jóias na sua coroa. Termos em exata não ativam outras palavras por engano, sabe-se exatamente o que o usuário busca e como reage ao seu anúncio.

Não acredita? Acesse sua própria campanha e veja quais palavras-chave possuem o melhor CTR e a melhor Taxa de conversão. Aposto a cabeça da rainha da Inglaterra que as melhores são palavras exatas.

rainha da inglaterra.jpg

"Deixe minha cabeça e vá vender mais"

 

Imagine que numa campanha mais madura a palavra [sapatos brancos] possuem uma taxa de conversão maior que as demais. Este termo em exata não abre espaço para "erros" na busca, é simples e direto. Esta é uma das suas jóias.

 

As palavras amplas e de frase são úteis para encontrar novos termos, como saber que [sapatos brancos em bh] também possui uma taxa de conversão acima da média. E neste caso não apenas um termo novo, mas também uma região que se pode trabalhar de forma mais personalizada. No final, bem no finalzinho da maturidade da sua campanha, a campanha ideal possui apenas termos exatos. E quando sua campanha já estiver perfeita você abre novos termos amplos só para encontrar novas palavras que futuramente se tornem exatas.

 

Para identificar os termos basta acessar a guia Palavras-chave e faça a consulta da pesquisa.

Consulta da pesquisa

Fácil de encontrar, útil para usar.

 

Alerto: se sua campanha tem poucas semanas não se arrisque tanto. Espere até ter um histórico mais confiável e vá evoluindo ao longo do tempo. Mas tenha uma conta nova com a sabedoria de conta antiga. Pensar no futuro é o primeiro passo para as pessoas saírem do lugar em que estão para um cenário melhor.

 

Acesse a aba de palavras-chave clicando abaixo. Boa sorte e boas vendas.

Sobre Henrique Giacometti

Formado em Publicidade e Propaganda pelo PUC-PR e em Gerenciamento de Projetos pela FGV, trabalhou na Agência Mirum e Rentcars.com. Atualmente é coordenador de marketing digital no Grupo Uninter.

Comentários
por pelati Principal Colaborador
Março 2013

Henrique,

 

Também prefiro trabalhar com correspondência exata, pois além dos benefícios comentados por você, o controle do bid nesse tipo de correspondência é certeiro, ou seja, você não paga caro por uma long-tail que foi acionada por uma palavra-chave com correspondência ampla ou frase. Pra quem busca performance, não tem como não trabalhar com correspondência exata.

 

No mais, também gosto da correspondência ampla modificada alinhada com uma estratégia de baixo bid, pois é mais fácil de gerenciar a campanha, distribuir um bid baixo e não se fechar para as oportunidades de termos long-tail.

 

Parabéns pelo artigo!

por HenriqueBG Principal Colaborador
Março 2013

Bacana pelati, quem já tem experiências com este tipo de estratégia sabe bem dos benefícios. 

Palavras ampla modificadas são uma ótima alternativa para campanhas maduras, obrigado pela contribuição!

Tags