Bate-papo e Feedback
751 Usuários online agora
751 Usuários online agora
Perguntas, ideias e feedback para a Comunidade: um espaço para assuntos não relacionados diretamente a AdWords, Analytics ou Google Meu Negócio. Para perguntas sobre produto, usar as comunidades
Guie-me
star_border
Responder

[Debate] Utilizar a marca de outras empresas como palavras-chave

Antigo Principal Colaborador

"A empresa BuquesOnline.com.br vende, obviamente, buquês. Ela decide experimentar uma nova estratégia e cria uma campanha adicionando a marca das empresas VestidosParaNoivas.com.br e BuffetParaCasamentos.com.br como palavras-chave."

 

Lembrando que as empresas acima são fictícias, não são concorrentes entre si e a BuquesOnline.com.br não viola a política de publicidade do google.

 

Então fica a pergunta: A BuquesOnline.com.br está errada ou sendo antiética utilizando a marca de "empresas complementares"? O que vcs acham dessa estratégia e quais as recomendações dariam para ela?

 

Obs.: Acho que utilizar a marca do concorrente é assumir que a sua é inferior, mas a estratégia da BuquesOnline.com.br é super válida desde que ela não engane o usuário.


Enquanto lê isso, os concorrentes clicam nos anúncios dos seus clientes.

Utilizar a marca de outras empresas como palavras-chave

Estudante ✭ ✭ ✭

Oi Bruno,

Sempre me perguntei quanto a essa prática, pois existe uma lacuna nas diretrizes quanto a isso.. se sua marca não é um concorrente direto você poderia aproveitar seu nome como palavra chave...

Para não pecar por falta de ética profissional eu evitaria, os estrategistas mais agressivos provavelmente diriam que não há problemas...

Um segundo fator para que eu não execute esta técnica é porque acredito gerar rejeição.


Vamos observar a seguinte situação:

   Sou cliente do VestidosParaNoivas.com.br, e como é comun de acontecer possso não só digitar na busca o vestidos    para noivas, como acontece de buscar a url: VestidosParaNoivas.com.br só que ao entrar no site estou em outro local completamente diferente.


Isso implicará em não conversão. Pode atrapalhar o desempenho da campanha.

Se não viola as políticas de privacidade, não há por que...

[ Editado ]
Aprendiz ✭ ✭ ✭

Se não viola as políticas de privacidade, não há por que ser anti ético. Pense bem, ela não está tirando cliente de ninguém, e o posicionamento será definida pela relevância do site da BuquesOnline.com.br, ou seja, a menos que ela pague um preço alto demais pela baixa relevância com o conteúdo do seu site, ela não aparecerá a frente das outras empresas na busca. Também partilho da opinião de que usar a marca do concorrente é assumir que a sua é inferior, mas neste caso, utilizar um segmento complementar ao seu é uma excelente estratégia!


"Existem três classes de pessoas infelizes: as que não sabem e não perguntam, as que sabem e não ensinam e as que ensinam e não fazem!"
(Siddhartha Gautam Buddha)

Se o anúncio da BuquesOnline.com.br for bem claro, creio...

[ Editado ]
Antigo Principal Colaborador

Vamos observar a seguinte situação:

   Sou cliente do VestidosParaNoivas.com.br, e como é comun de acontecer possso não só digitar na busca o vestidos    para noivas, como acontece de buscar a url: VestidosParaNoivas.com.br só que ao entrar no site estou em outro local completamente diferente.


Isso implicará em não conversão. Pode atrapalhar o desempenho da campanha.


Se o anúncio da BuquesOnline.com.br for bem claro, creio que dificilmente o usuário vai clicar se realmente tiver a intenção de entrar no site da VestidosParaNoivs.com.br.


Enquanto lê isso, os concorrentes clicam nos anúncios dos seus clientes.

Outro ponto interessante dessa estratégia é o seguinte:...

Antigo Principal Colaborador

Outro ponto interessante dessa estratégia é o seguinte:

 

Quem está procurando pelas empresas VestidosParaNoivas.com.br e BuffetParaCasamentos.com.br não está apenas procurando por vestidos ou buffet, está planejando o casamento.

 

No momento, o usuário não está interessado em buquês, mas eventualmente vai procurar por isso de qualquer forma, então o anúncio da BuquesOnline.com.br é indiretamente relevante.


Enquanto lê isso, os concorrentes clicam nos anúncios dos seus clientes.

Exatamente, Basta você criar um anúncio claro, atrativo e...

Aprendiz ✭ ✭ ✭

BrunoWired escreveu:



Se o anúncio da BuquesOnline.com.br for bem claro, creio que dificilmente o usuário vai clicar se realmente tiver a intenção de entrar no site da VestidosParaNoivs.com.br.


Exatamente, Basta você criar um anúncio claro, atrativo e específico para estas "palavras". 


"Existem três classes de pessoas infelizes: as que não sabem e não perguntam, as que sabem e não ensinam e as que ensinam e não fazem!"
(Siddhartha Gautam Buddha)

Marcas concorrentes

Aprendiz ✭

Já experimentei usar a marca de concorrentes diretos na lista de palavras-chave. (Pausa para as pedras) Smiley feliz

O cliente pediu, a gente experimenta. 

Mas o resultado não é bom.

 

Como o nosso site não é relevante para a marca concorrente... o índice de qualidade fica ruim e o CPC é muito alto. As vezes o anúncio não é exibido porque o índice de qualidade fica abaixo do padrão para exibição.

 

Outro ponto é que quando alguém digita uma marca no google, é porque ele quer aquela marca. O trabalho de convencimento para que ele mude de ideia é bem complicado. O custo de conversão será bem alto. É bem melhor usar o investimento no fim do funil de etapas de de decisão de compra, do que com convencimento no início ou meio do processo.

 

A não ser casos bem específicos. Se vc tiver um produto mais barato e igual ao concorrente em qualidade, quem sabe seja uma boa estratégia. Ou para ofertas relâmpagos. Tipo uma semana de frete grátis. Talvez funcione.

 

Sobre serviços similares como citastes... não seria meu foco principal, justamente porque você não estará inserido no processo de decisão de compra. Veja bem, se a pessoa está procurando por buquê de noiva, ela está focada nisso. Vc até pode chamar atenção para um outro serviço de noiva. Mas o consumidor estará com outro objetivo. Ou seja, seu custo de conversão tende a ser maior. 

 

Creio que o indicado é esgotar a visibilidade com palavras muito focadas no seu negócio, e só depois espandir para outras etapas do processo. E a última estratégia seria ir para etapas de convencimento, trazendo a pessoa de outros nichos ou outras marcas, o que sempre vai pedir um investimento bem alto.

 

Valeu

Ligia Buchfink

 

 

 

Lígia Buchfink
Empreendedorismo e Marketing Digital
ligia.buchfink.com.br

Levando em consideração o Planejamento do casamento como...

Estudante ✭ ✭ ✭

BrunoWired escreveu:

Outro ponto interessante dessa estratégia é o seguinte:

 

Quem está procurando pelas empresas VestidosParaNoivas.com.br e BuffetParaCasamentos.com.br não está apenas procurando por vestidos ou buffet, está planejando o casamento.

 

No momento, o usuário não está interessado em buquês, mas eventualmente vai procurar por isso de qualquer forma, então o anúncio da BuquesOnline.com.br é indiretamente relevante.


Levando em consideração o Planejamento do casamento como tema, faz muito sentido mesmo. Nunca fiz campanha com essas estratégias envolvendo o nome do cliente, apenas o mote de um possível grupo de consumo. Lembremos que no seu exemplo, as urls são termos completamente gerais, na prática tende a ser mais específica e característica da outra empresa.

Não considero ilegal ou inoral, apenas vejo como algo delicado que deve ser tratado com bastante cautela.

O processo de decisão de compra, principalmente em casos...

[ Editado ]
Aprendiz ✭ ✭ ✭

O processo de decisão de compra, principalmente em casos como este de casamento, onde há a necessidade de agregar serviços, é bem complexo e não é decidido de uma hora pra outra. Mas num casamento, além dos noivos é claro, os itens mais importantes são o que vestir, e onde receber seus convidados. Isso significa que na ordem de busca, eles virão antes do buquê. Apresentar o seu produto nesse exato momento pode fazer total diferença, é chegar na frente dos outros buquês. Funciona mais ou menos como uma vitrine. Imagina como se fosse ir a uma loja comprar um a blusa e sair de lá com uma blusa, um sapato, uma calça. Com certeza alguém conhece uma mulher que já tenha feito isso, e olha que ela nesse caso nem precisava dos outros itens. Em termos de comportamento de compra o perfil feminino se encaixa perfeitamente nesse padrão [sem machismo viu pessoal, isso é psicologia do consumo].
Para evitar gastos excessivos, o ideal seria buscar a primeira página, mas evitar as primeiras posições.
Lembrando também que estamos falando de um caso específico, o casamento. Cada caso é um caso e deve ser avaliado conforme o comportamento de compra do consumidor.


"Existem três classes de pessoas infelizes: as que não sabem e não perguntam, as que sabem e não ensinam e as que ensinam e não fazem!"
(Siddhartha Gautam Buddha)