AdWords
343 Usuários online agora
343 Usuários online agora
Entendendo a aba Faturamento, formas de pagamento e cupons promocionais: obtenha ajuda e orientação para configurar as opções de faturamento de sua conta do AdWords, assim como resolver problemas
Guie-me
star_border
Responder

Declaração do Imposto de Renda (IRPF) de reembolso do Adwords

Calouro ✭ ✭

Recebi um valor de reembolso do Google Adwords, e como é um valor mais alto, ultrapassando minha renda anual do limite de isenção, então ano que vem vou precisar incluir na declaração do Imposto de Renda, em Rendimentos Tributáveis Recebidos de Pessoa Jurídica.

 

Minhas dúvidas/confirmações são:

 

Nome da fonte pagadora: GOOGLE BRASIL INTERNET LTDA.

 

CNPJ da fonte pagadora: 06.990.590/0001-23

 

Rendimentos recebidos de pessoa jurídica: o valor que recebi

 

Contribuição previdenciária oficial (assim como o campo do 13º salário): acredito que ambos sejam 0,00

 

Imposto redito na fonte: Aqui é minha prinicpal dúvida, pois empresa nacional já retém imposto na fonte, certo? Só não sei como calcular para inserir o valor aqui, para não incidir a bitributação. Alguém sabe como devo fazer esse cálculo ou se devo contatar o Google para obter essa informação, ou, se for um cálculo complexo, preciso pagar a um contador para fazer essa análise?

 

Obrigado e desculpe o assunto um pouco fora das discussões sobre o Google, mas encontrei muitas informações sobre IR vindo do adsense, mas aí é considerado como pagamento vindo do exterior, já este caso de reembolso do adwords, acredito que seja mesmo considerado recebido de empresa nacional. Mas se eu estiver equivocado e puderem me auxiliar nesta origem, agradeço.

Especialistas responderamverified_user

Que tipo de reembolso se refere? Estorno de um valor pré-...

Principal Colaborador
Que tipo de reembolso se refere? Estorno de um valor pré-pago pago anteriormente?

Olha, eu não sou contador, mas acho que você está declarando errado - entendo que o estorno se enquadra como "reversão de saldo", não sendo tributável.

Eu acho que você somente teria que tributar uma reversão de saldo de fosse pessoa jurídica e mesmo assim em casos específicos de lucro real.

Eu entendo que você somente deveria declarar pró-labore como tributável e não uma reversão de saldo.

Mas não sou contador, acho que você deveria tirar esta dúvida com algum.

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Obrigado Gravity pela sua resposta. É isso mesmo, é um re...

Calouro ✭ ✭

Obrigado Gravity pela sua resposta. É isso mesmo, é um reembolso de saldo pré-pago. Minha preocupação é porque o reembolso foi extornado para uma conta de CPF diferente da qual saiu. Na época, troquei a prestação de serviços de programação que eu tinha feito para um amigo e ao invés de receber este valor, aceitei que ele fizesse o pagamento do boleto do Adwords, pois eu ia utilizar para divulgar um novo site meu, mas a minha ideia de novo projeto não foi pra frente, usei somente uma pequena parte e o restante solicitei reembolso, mas daí o extorno do valor restante foi creditado em minha conta (CPF diferente).

 

Por isso vou ter que declarar, por ser um valor mais alto e ser considerado um recebimento, pois de qualquer maneira, se na época eu tivesse recebido diretamente dele, eu teria que declarar que recebi este valor de pessoa física. Só que na simulação que fiz do imposto de renda, quando inseri que recebi este valor de PJ, o imposto ficou bem mais alto do que se declarasse de pessoa física, mas isso porque não preenchi nada no imposto retido na fonte, pois se o Google já reteve algum imposto (provavelmente sim), daí eu informo neste campo e reduz o valor correspondente.

 

Mas acho que se eu perguntar para um contador ele deve saber fazer o cálculo de quanto o Google deve ter retido, ou talvez se eu entrar em contato diretamente com o Google, é possível que eles me informem.

 

Mesmo assim, obrigado pela ajuda Gravity. E desculpa por ter saído um pouco do contexto de dúvidas do fórum.