AdWords
890 Usuários online agora
890 Usuários online agora
Fórum dedicado às discussões e perguntas sobre Google Shopping e Merchant Center: este é o espaço para dividir boas práticas e esclarecer suas dúvidas sobre esse tipo de campanha
Guie-me
star_border
Responder

Uso do Google Shopping

Calouro ✭

Fala, pessoal!

 

Como vocês estão vendo a adesão dos anunciantes ao Google Shopping? Já existem cases interessantes que vocês analisaram? 

 

Abraço

Especialistas responderamverified_user

Soluções aceitas
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita por leandrofm (Principal Colaborador)
Setembro 2015

Re: Uso do Google Shopping

Principal Colaborador
Olá João, implantar um cliente no Google Shopping varia muito de estratégia, tipo de produtos e principalmente orçamento disponível do cliente, principalmente para evitar a pulverização do orçamento dele em várias estratégias tirando o retorno delas.

Tenho alguns clientes implantados no Google Shopping que estão sim dando bons resultados

Exibir solução no post original

Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita por leandrofm (Principal Colaborador)
Setembro 2015

Re: Uso do Google Shopping

[ Editado ]
Principal Colaborador

Oi João,

 

EDIT: Como o @AntonioMuniz disse sabiamente acima, tudo depende da verba e dos seus objetivos. Acredito que nossas respostas sejam bem complementares.

 

Acredito que a adesão ao Google Shopping para anunciantes de produtos é um processo natural. Os comparadores de preço no Brasil tem uma boa aceitação e é cada vez mais comum você ver alguém buscando em lojas algum produto e comparando com o preço da internet.

 

Existem estudos globais recentes dizem que quase metade dos consumidores que utilizam smartphones, já utilizam seu dispositivo para comparar preços durante as compras nas lojas físicas. Saiba Mais (em inglês)

 

Acredito que o Google Shopping seja um dos (se não "o") principais players deste mercado. Isso se deve ao fato de que a maior parte das buscas é feita utilizando o Google, e, o Google Shopping costuma ser o primeiro resultado ao se buscar um produto. A visibilidade e o retorno que se pode trazer é muito grande. Alguns estudos de caso realizados nos EUA dão mais alguns detalhes do quanto é possível aumentar as vendas com essa tática de vendas. Saiba Mais (em inglês)

 

A tendência no mercado é que, com o processo de digitalização ao qual vivemos (Bauman diz que estamos no meio de uma Revolução e Valter Longo já fala em Era Pós-Digital), as tecnologias serão algo onipresente. Não vamos pensar em navegar na internet, mas estaremos navegando sem pensar, assim como respiramos. Nos EUA, desde o ano passado a internet já é a mídia que capta mais investimento em publicidade e no Brasil, vemos cada vez mais anunciantes seguindo essa tendência.

 

Então estou vendo com bons olhos o Google Shopping, Redes de Display, Youtube, Pesquisa, e, acredito que todos os serviços se complementam. Não apenas os do Google, como os de concorrentes.

 

Desculpa ter estendido demais a resposta; Acredito que eu já tenha respondido você há tempos e dei uma viajada na resposta, mas é isso, em breve não diferenciaremos publicidade online e offline, então é hora de sentar e ver as estratégias a curto, médio e longo prazo. Smiley feliz

 

Espero ter ajudado.

 

Yuri Podolsky

Agência Interset

Exibir solução no post original


Todas as respostas
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita por leandrofm (Principal Colaborador)
Setembro 2015

Re: Uso do Google Shopping

Principal Colaborador
Olá João, implantar um cliente no Google Shopping varia muito de estratégia, tipo de produtos e principalmente orçamento disponível do cliente, principalmente para evitar a pulverização do orçamento dele em várias estratégias tirando o retorno delas.

Tenho alguns clientes implantados no Google Shopping que estão sim dando bons resultados
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita por leandrofm (Principal Colaborador)
Setembro 2015

Re: Uso do Google Shopping

[ Editado ]
Principal Colaborador

Oi João,

 

EDIT: Como o @AntonioMuniz disse sabiamente acima, tudo depende da verba e dos seus objetivos. Acredito que nossas respostas sejam bem complementares.

 

Acredito que a adesão ao Google Shopping para anunciantes de produtos é um processo natural. Os comparadores de preço no Brasil tem uma boa aceitação e é cada vez mais comum você ver alguém buscando em lojas algum produto e comparando com o preço da internet.

 

Existem estudos globais recentes dizem que quase metade dos consumidores que utilizam smartphones, já utilizam seu dispositivo para comparar preços durante as compras nas lojas físicas. Saiba Mais (em inglês)

 

Acredito que o Google Shopping seja um dos (se não "o") principais players deste mercado. Isso se deve ao fato de que a maior parte das buscas é feita utilizando o Google, e, o Google Shopping costuma ser o primeiro resultado ao se buscar um produto. A visibilidade e o retorno que se pode trazer é muito grande. Alguns estudos de caso realizados nos EUA dão mais alguns detalhes do quanto é possível aumentar as vendas com essa tática de vendas. Saiba Mais (em inglês)

 

A tendência no mercado é que, com o processo de digitalização ao qual vivemos (Bauman diz que estamos no meio de uma Revolução e Valter Longo já fala em Era Pós-Digital), as tecnologias serão algo onipresente. Não vamos pensar em navegar na internet, mas estaremos navegando sem pensar, assim como respiramos. Nos EUA, desde o ano passado a internet já é a mídia que capta mais investimento em publicidade e no Brasil, vemos cada vez mais anunciantes seguindo essa tendência.

 

Então estou vendo com bons olhos o Google Shopping, Redes de Display, Youtube, Pesquisa, e, acredito que todos os serviços se complementam. Não apenas os do Google, como os de concorrentes.

 

Desculpa ter estendido demais a resposta; Acredito que eu já tenha respondido você há tempos e dei uma viajada na resposta, mas é isso, em breve não diferenciaremos publicidade online e offline, então é hora de sentar e ver as estratégias a curto, médio e longo prazo. Smiley feliz

 

Espero ter ajudado.

 

Yuri Podolsky

Agência Interset

Re: Uso do Google Shopping

[ Editado ]
Principal Colaborador

Olá João!

 

O Google Shopping é um ótimo canal de vendas e dever sim ser explorado. Mas como o Antonio disse, deve ser usado como uma estratégia implantada principalmente pelo orçamento. Não adianta tirar orçamento de um para por no outro "só para fazer a campanha". Isso afeta o desempenho da publicidade no geral dentro do Google.

 

Um ponto importante que pode impactar nos resultados vindo do Google Shopping é o ecommerce do cliente. O que muito vejo é cliente tendo um custo com os anúncios do  Shopping mas sua plataforma tem pontos limitantes que dificultam a compra pelo cliente. 

 

Principalmente porque no Shopping o anunciante vai concorrer com lojas bem mais consolidadas.

 

Isso pode trazer uma certa frustração, pois o cliente terá um segundo investimento em mídia porém pode ser prejudicado por sua própria loja. 

 

Outro ponto importante antes de se iniciar uma estratégia de Shopping e é aí que muitos anunciantes encontram uma barreira para entrar nesse canal é a criação do Feed de Dados. Muitas vezes só para extrair da loja e montar o Feed já é um parto. Pois, mesmo subindo o Feed para o Merchant muito provavelmente precisará passar por um saneamento dos ítens para vir a ser aprovado e exibido no canal.

 

Visto esses três pontos: Orçamento equilibrado, qualidade da plataforma de ecommerce e preparação do Feed de Dados, ter o anúncio do produto dentro do Shopping poderá ajudar a alavancar as vendas da marca. Mas, claro, não esquecendo da estratégia de campanha para isso.

 

 

 

 

 

Um abraço,
Jane Audrei | Agência Madara |Circule-me |Follow-me |Linki-me
|Like-me

Re: Uso do Google Shopping

Calouro ✭
Valeu, Yuri. Um ótimo review. Grande abraço.

Re: Uso do Google Shopping

Calouro ✭
Ótima abordagem, Jane. Obrigado mesmo.

Re: Uso do Google Shopping

Calouro ✭
Obrigado pelo esclarecimento, Antonio. Grande abraço.