AdWords
610 Usuários online agora
610 Usuários online agora
Novo anunciante do AdWords? Pergunte sobre configurações de campanha, e gerenciamento de contas. Aprenda como começar a anunciar, saiba mais sobre estruturar suas campanhas, orçamento e muito mais
Guie-me
star_border
Responder

Ola, alguem pode me ajudar a inserir meu blog nas primeiras paginas...HELPPPP

Calouro ✭
 
Especialistas responderamverified_user

Re: Ola, alguem pode me ajudar a inserir meu blog nas primeiras paginas...HELPPPP

Estudante ✭ ✭ ✭

Oi Lunavarro, para que seu blog seja bem posicionado, você precisa fazer um conteúdo legal e relevante para o seu usuário.
Algo que pode te ajudar nessa tarefa é o Adwords, mas ele só vai ampliar seu alcance, você deve se focar no conteúdo do seu blog, pois é ele que vai ser base de qualquer estratégia de marketing que você optar por usar.

Agora se você já tem um bom conteúdo, o Adwords pode ajudar a divulga-lo.

 

Nesse link você pode pegar algumas informações:
Como anunciar no Google AdWords.

Entre em contato com o Google AdWords.

Re: Ola, alguem pode me ajudar a inserir meu blog nas primeiras paginas...HELPPPP

Principal Colaborador

Ola lunavarro,

Conforme referiu o colega Bruno o importante e ter conteudo relevante para o seu usuario, o Google acabara por lhe atribuir relevancia nos resultados organicos. De uma revisao no guia SEO para webmasters . Contem uma excelente abordagem e dicas basicas que podem ser uteis para voce! Exsitem plataformas como o blogger ou wordpress que ja tem uma estrutura bem montada em questoes de optimizaçao, mas so funciona naturlamnete com conteudo original e acima de tudo relevante para o seu "nicho".

 

Em questoes de usar o AdWords por exemplo para aumento imediato do trafego, depende do objectivo do blogue e da disponibilidade de investimento que possa ter. Por norma um blogue nao tem o objectivo estritamente comercial, mas cada caso e um caso.

 

 

A minha resposta foi útil? Se sim, marque-a como a "Melhor resposta".
Nuno Mota
google + "Não podemos prever o futuro, mas podemos criá-lo (Paul Pilzer)"

Google