AdWords
508 Usuários online agora
508 Usuários online agora
Otimização de ROI, CTR, índice de Qualidade, segmentação, página de destino.
Guie-me
star_border
Responder

Como trabalhar com palavras-chaves com baixa ou sem impressão

Estudante ✭

Fala galera. Estou otimizando uma campanha de um cliente e queria ver com vocês como vocês fazem com relação a palavras-chaves sem nenhuma impressão. Vou dar um exemplo para ficar mais fácil. 

 

Em uma campanha, tenho tudo separado em Grupo de Anúncios por tipo de serviço, etc... 

 

Tenho 100 palavras-chaves distribuídas entre os grupos. 

 

Dessas, 50% não teve sequer uma impressão nos últimos 60 dias. Detalhe, o índice de qualidade e a palavra em si segue a mesma linha das outras palavras que estão tendo impressões ou clique. 

 

O que fiz a principio foi, copiar a campanha com tudo. Nessa cópia, eu deixei somente essas palavras que não estão tendo impressões. 

 

E na campanha atual, removi/pausei as palavras que estavam sem impressões. 

 

'Teoricamente' (não sei se estou certo, por isso este post na comunidade), a campanha onde teve impressões, fica com uma qualidade melhor, com isso, pagaria menos e aumentaria a performance. 

 

E a campanha onde estão as palavras que não tem impressão, ficaria lá rodando, se algum dia ela tiver impressão e cliques, pegamos essas palavras e vamos colocando na(s) campanha(s) que de alta performance.

 

Estou fazendo certo? Alguém segue essa linha ou tem alguma dica?

 

Especialistas responderamverified_user

Re: Como trabalhar com palavras-chaves com baixa ou sem impressão

Principal Colaborador
Antes de mais nada: Se a palavra não possui o estado "Baixo volume de pesquisa", você deve verificar a parcela de impressão destas palavras (com estado ativo).. se a parcela de impressão for baixa pode significar que o lance cpc está muito baixo (mesmo que o índice de qualidade seja bom), se a parcela de impressão for elevada, tudo bem: é uma palavra com baixa procura e se encaixa na nossa estratégia:

Sobre o seu procedimento: Não.. não tem necessidade de tomar qualquer tipo de ação com as palavras de baixa impressão.. simplesmente ignore elas - você criar uma outra campanha para elas não vai melhorar o desempenho das outras em absolutamente nada - é um conceito errado - só vai deixar sua conta mais bagunçada e difícil de gerenciar por você e seus colegas.

Simplesmente ignore as palavras que possuem baixo volume de pesquisa - não precisa pausar, remover, mover elas... deixe elas lá, e tenha foco nas palavras com elevado volume de pesquisa pois são estas que afetam a conta pois participam de mais leilões.

As palavras que possuem poucas impressões, quase não participam de leilões, assim não afetam o índice de qualidade das demais.

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Re: Como trabalhar com palavras-chaves com baixa ou sem impressão

Estudante ✭
Entendi. Se parar pra pensar o que você falou tá certo. Mas vamos pensar que está tendo impressão e não está tendo clique, ou seja, um CTR baixo. O que acha de separar essas palavras que tem baixos CTR e colocar em outro Grupo ou Campanha. Deixando uma campanha de alta performance e outra de baixa e ir trabalhando?

Re: Como trabalhar com palavras-chaves com baixa ou sem impressão

Principal Colaborador
Oi Fernando, como vai?

Na verdade se a palavra possui impressões, mas não cliques, essa palavra tem CTR% de 0%, e só vai atrapalhar um pouco no calculo do CTR geral do seu grupo/campanha. Concordo com o que o Erico disse, onde você não precisa se preocupar dessa forma e separar as campanhas pensando na qualidade.

Na minha visão não está errado pensar como você, mas é um cuidado adicional que dá bastante trabalho, principalmente de gerenciamento, para um resultado que talvez não valha a pena. Acredito que só iria valer a pena separar as coisas, se fossem palavras que tivessem muitas e muitas impressões, o que indicaria que você realmente precisaria otimizar, agora para palavras com baixa impressão, o impacto negativo que elas vão ter no todo, é muito pouco ou mesmo, nada.

Pode deixar elas no mesmo grupo e se quiser, ir otimizando por lá mesmo, trocando lances de CPC para essas palavras individuais, adicional novos tipos de correspondências, negativando coisas e até mesmo testando novos anúncios.

Espero que ajude.

Abraços,

Leandro Martinez | Basta1Click - Consultoria AdWords | Ícone Basta1ClickÍcone FacebookÍcone YouTubeÍcone Linkedin

Recebeu uma resposta que foi útil? Marque-a como solução clicando no botão "Aceitar como Solução" e ajude a nossa comunidade.