AdWords
959 Usuários online agora
959 Usuários online agora
Otimização de ROI, CTR, índice de Qualidade, segmentação, página de destino.
Guie-me
star_border
Responder

Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Estudante ✭ ✭ ✭

Boa tarde , a 3 meses venho utilizando o Roas como estrategia de lance em boa parte das minhas campanhas, como sabemos esta estrategia tenta entregar um ROI desejado.

Pois bem , no começo desta estrategia não dava pra estipular % de redução ou aumento em nenhum dispositivo o google automaticamente escolhia os lances para tais dispositivos , porem observei que ele em dispositivos moveis sempre reduzia o lance e me entregava o resultado desejado, mais ha 2 dias ele começoua gastar todo orçamento em dispositivo moveis e sem conversão.

Fui reduzindo o % para dispositivos moveis e mesmo assim ele não obdecia, fui informado pelo suporte que o unico % de redução que ele iria entender seria de uma redução de 100% para dispositivos moveis. 

executei tal procedimento e verifiquei que realmente ele parou de imprimir em dispositivos moveis, porem fazendo isso perdi muito impressão e cliques que são importantes de celular pois os compradores geralmente pesquisa de celular mas em um segundo momento eles executam a compra pelo computador.

 

notei que de agora em diante o google diponibilizou aumento e redução para computador e tablet, e isso me fez relacionar que o problema que estou sofredo quando ultilizo ROAS começou acontecer depois que eles abriram essa oportunidade.

 

Alguém tem experiencia com esse tipo de Lance?

Alguém Notou que após essas mudanças os lances de celulares começaram a ter algum aumento?

Qual  a melhor solução a adotar de agora em diante, devo manter a restrição de 100% mobile e criar uma campanha para separar o orçamento exclusivo de Google shopping para mobile?

 

Grato

 

Jefferson

 

Especialistas responderamverified_user

Soluções aceitas
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita pelo autor do tópico Jefferson M
Setembro 2016

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Principal Colaborador

JeffersonMartins R escreveu:
Gravity,
Entendo mas o que explicaria uma campanha rodando onde o CPC para computador ficou sempre na casa 0,60 centavos e trouxe a 3 meses 99% das conversões e o CPC desta mesma campanha dicar na casa de 0,12 e que historicamente trouxe sei lá no máximo 1% das conversões, sempre o desktop consumindo 90% da verba diaria rodando e convertendo bem , pura e simplesmente um dia e Esta campanha acorda REVOLTADA, gastando imprimindo e cobrado cpc no mobile em torno de 0,50 gastando 6 vezes mais que o desktop, fazendo tudo ao contrario que ela mesma aprendeu ao longo de todas as conversões e claramente privilegiando mobile coisa que nunca trouxe conversão.

Tenho uma teoria do que talvez explique o comportamento: Bem recentemente ocorreu uma grande atualização no sistema do AdWords em todas as conversões passaram a medir conversões também entre dispositivos - ou seja um usuário que entrava no seu site a partir de um mobile e depois ia converter no desktop não era medido como conversão (dependendo da tua configuração) no mobile - agora todas as conversões são ou serão medidas entre dispositivos (morte da coluna "clique convertido")

 

Pode ser que você havia configurado o ROAS para clique convertido (sem conversão entre dispositivos) e agora ele está medindo por conversões (considerando conversão entre dispositivos).

 

 

É só uma teoria, pode ser ou pode não ser.

 

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Exibir solução no post original


Todas as respostas

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Principal Colaborador
Oi Jefferson, eu já trabalhei bastante com os lances automáticos do Adwords e tive problemas semelhantes com o ROAS tanto na pesquisa quanto em display.

Minha percepção (e também de outros que compartilhei minha experiência) é que o lance por CPA está melhor estabelecido - apesar do ROAS ter um conceito bem mais avançado de lance por receita ainda não funciona tão bem quanto o lance por CPA. É importante que sua conta já tenha um histórico quando for ativar os lances automáticos.

Mesmo com uma campanha bem madura, um volume considerável (por volta de 2 mil conversões por mês) e histórico de anos na conta o ROAS parece que estende o período de testes muito além do esperado. Enquanto o CPA levava de 3 dias a duas semanas para se acertar nesse volume de conversões, o ROAS deixa a conta instável por mais de 3 semanas sem perspectiva de mudar.

Acredito que daqui a algum tempo o lance por receita vai ser a melhor opção, mas por enquanto o lance por CPA funciona de maneira bem mais confiável e, pelas experiências que tive, recomendo mudar para esse formato.

Apenas alertando que não adianta mudar o lance por dispositivo nesse formato, pois o lance é definido com base na receita (ou no valor do cpa), ou seja, se a taxa de conversão e a chance de vendas é maior no mobile o lance será maior - quer você goste quer não, pois o foco é o resultado real e não a percepção do anunciante. Se o anunciante quiser mais controle precisa escolher outras formas de lance, mas se vai deixar automatizado com base no desempenho então terá que abrir mão desse tipo de definição. Particularmente não me incomodo com isso, pois se traz o resultado esperado posso abrir mão do controle do lance.

Abraços
Henrique Giacomitti
Linkedin

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Principal Colaborador
ROAS e CPA são complexas caixas fechadas que não permitem muito ajuste - é meio no estilo: "use ou desista" - se você usa, você ganha grande vantagem de não se preocupar com ajustes de cpc e compensa o seu tempo em coisas mais úteis como otimizando a conta.

Mas ele tem um preço, o fato de ser uma caixa fechada sempre vai ter problemas quando você observar de perto - me lembro de um caso do ROAS que estava perfeitamente instalado em um site, mas o sistema em que o usuário conseguia gerar um boleto no valor que desejasse - um usuário proveniente de uma campanha do AdWords colocou um valor muito elevado brincando, tipo R$ 1.000.000 e gerou a cobrança - o valor entrou no sistema como valor de conversão e praticamente destruiu o comportamento - pois o sistema começou a "enxergar" que aquele grupo de anúncios ou palavras chave de origem do usuário era o que realmente gerava dinheiro - este é somente um exemplo dos problemas que você pode enfrentar.

Uma maneira de diminuir este problema é você montar uma pequena interface entre os valores de conversão do site e o sistema do AdWords - você pode por exemplo executar todos as suas conversões via offline (https://support.google.com/adwords/answer/2998031?hl=pt-BR), no qual você poderia avaliar os dados antes de enviar para o sistema do AdWords (pode por exemplo remover valores de compras revertidas ou até mesmo ajustar os valores de todos as compras mobile que entram no sistema)

Existem outros métodos, usando o tag manager você conseguiria mudar os valores de conversão com base em dados do usuário em tempo real antes de ser enviado para o AdWords - você poderia por exemplo criar uma conversão desktop que envia o valor real para o AdWords e uma conversão mobile que envia somente metade do valor.

Claro, tudo isso vai exigir algum conhecimento mais técnico.

Outras soluções incluem,claro, você desativar ele ou simplesmente aceitar como ele é e pagar o preço.

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Estudante ✭ ✭ ✭
Gravity,
Entendo mas o que explicaria uma campanha rodando onde o CPC para computador ficou sempre na casa 0,60 centavos e trouxe a 3 meses 99% das conversões e o CPC desta mesma campanha dicar na casa de 0,12 e que historicamente trouxe sei lá no máximo 1% das conversões, sempre o desktop consumindo 90% da verba diaria rodando e convertendo bem , pura e simplesmente um dia e Esta campanha acorda REVOLTADA, gastando imprimindo e cobrado cpc no mobile em torno de 0,50 gastando 6 vezes mais que o desktop, fazendo tudo ao contrario que ela mesma aprendeu ao longo de todas as conversões e claramente privilegiando mobile coisa que nunca trouxe conversão.
Você entende que ela mesmo aprendeu sozinha , viu que o caminho da conversão e no desktop, e de uma hora pra outra ela gasta todo orcamento em uma manhã mesmo as campanhas estando configuradas para imprimir em modo normal e gastando de forma errada.

Eu já vi varias campanhas que ao longo do tempo precisam ser ajustadas , mas uma campanha que praticamente estou a 3 meses ela entregando resultado gastar a verba de forma muito errada eu nunca vi.

Sei que essa configuração eh uma caixa fechada, mas a relação que procuro estudar e que recentemente as alterações que foram feitas onde agora podemos tanto definir % para desktop/mobile/tablet que são relativamente novas devem ter afetado o algorítimo deste tipo de Estrategia Automatizada.

sei que por ser um tipo de estrategia que poucos usam talvez tenhamos poucos dados para estudar.

Mas agradeço você e ao Henrique que responderam meu tópico e se tiverem mais experiencia para contar Sobre ROAS favor postar.

Grato

Jefferson
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita pelo autor do tópico Jefferson M
Setembro 2016

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Principal Colaborador

JeffersonMartins R escreveu:
Gravity,
Entendo mas o que explicaria uma campanha rodando onde o CPC para computador ficou sempre na casa 0,60 centavos e trouxe a 3 meses 99% das conversões e o CPC desta mesma campanha dicar na casa de 0,12 e que historicamente trouxe sei lá no máximo 1% das conversões, sempre o desktop consumindo 90% da verba diaria rodando e convertendo bem , pura e simplesmente um dia e Esta campanha acorda REVOLTADA, gastando imprimindo e cobrado cpc no mobile em torno de 0,50 gastando 6 vezes mais que o desktop, fazendo tudo ao contrario que ela mesma aprendeu ao longo de todas as conversões e claramente privilegiando mobile coisa que nunca trouxe conversão.

Tenho uma teoria do que talvez explique o comportamento: Bem recentemente ocorreu uma grande atualização no sistema do AdWords em todas as conversões passaram a medir conversões também entre dispositivos - ou seja um usuário que entrava no seu site a partir de um mobile e depois ia converter no desktop não era medido como conversão (dependendo da tua configuração) no mobile - agora todas as conversões são ou serão medidas entre dispositivos (morte da coluna "clique convertido")

 

Pode ser que você havia configurado o ROAS para clique convertido (sem conversão entre dispositivos) e agora ele está medindo por conversões (considerando conversão entre dispositivos).

 

 

É só uma teoria, pode ser ou pode não ser.

 

___

"Você não precisa de uma empresa de 100 funcionários para desenvolver aquela ideia" ~Larry Page

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Estudante ✭ ✭ ✭
Sim concordo essa teoria pode ter sentido sim, acho que o melhor a fazer e continuar estudando esse comportamento em escala menor, mas a priore acho que vou fazer campanhas de shopping separando o Mobile do desktop e criar estrategias Roas no Desktop e trabalhar com CPC Manual baixo no Mobile para aproveitar os Micromoments.

Mais uma vez agradeço a atenção

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Principal Colaborador

Jefferson,

 

Acho que faz sentido realmente você fazer essa experiência. Até para validar esse comportamento que houve em mobile dentro da sua campanha. Não tem jeito. Muita coisa no Adwords nós vamos entendendo com a aplicação de experiências diante de mudanças que a plataforma ou o algorítimo apresentam e que muitas vezes não temos nem onde ler sobre o que acontece particularmente em uma campanha. 

 

Você tinha uma performance x e agora ela está y. Estratégias de CPA e ROAS ainda são complexas na aplicação e no entendimento. O CPA hoje ainda é mais estável de se compreender.  

 

Você vai precisar realmente fazer uma adaptação em sua campanha, diante dessa mudança. Pois não muito onde "alterar" dentro dessas estratégias de lance. 

 

A outra possibilidade seria aguardar mais tempo para ter uma amostragem maior e validar realmente essa mudança de comportamento. Mas é complicado quando se trata de vendas. 

 

 

 

 

Um abraço,
Jane Audrei | Agência Madara |Circule-me |Follow-me |Linki-me
|Like-me

Re: Roas - estrategia de lance, problemas recentes!

Estudante ✭ ✭ ✭
Gravity,
Apesare de anteriormente ter concordado com a sua teoria e ainda achar que pode acontecer em outros casos , eu fui tirar a prova na campanha em questão , tirei relatório de todo o período , onde habilitei o campo conversões em dispositivos diferentes e para minha surpresa não tinha nenhuma conversão, então pelo menos neste caso a teoria não aconteceu, mas continua achando que realmente ouve alguma mudança no algorítimo que influenciou esse comportamento, gostaria de deixar registrado para que sirva de base de estudo ao próximos visto que na comunidade tem poucos tópicos sobre o Roas.

Gostaria de informar a solução encontrada e considerações em que acho valido o uso do ROAS:

Solução eliminei -100% para mobile quando uso Roas, e para não ficar fora do mobile criei uma outra campanha de shopping com CPC manual bem baixinho na casa de 0,12 centavos, nesta campanha eu eliminei -100%para desktop para não concorrer com a campanha ROAS visto que o inventario de produtos é o mesmo, e para dar uma potencia lisada na impressão e proteção de meus clientes coloquei uma lista de remarketing de todos os visitantes aumentando o cpc para clientes da lista em +100% .

Fiz ontem e deu super certo, o custo de conversão voltou ao normal.

Quero deixar registrado que li os comentarios da Jane-Audrei e dizer que também achei validos seus comentários e estou testando.

Resumindo e Finalizando os resultados sobre ROAS

1º Camapnhas Google Shopping - Super valido usar ROAS estou colhendo ótimo 2º Campanhas de Palavras chaves - Testei o ROAS mas Não estou tendo Resultados ainda , mas acho que o problema esta na seleção das palavras chaves, voltei a usar CPA.
3º Campanhas de Display-nuca usei Roas pois uso o display apenas para gerar trafego e capturar em minha lista de Remarketing.
3º campanha de D