AdWords
600 Usuários online agora
600 Usuários online agora
Otimização de ROI, CTR, índice de Qualidade, segmentação, página de destino.
Guie-me
star_border
Responder

Saiba mais sobre "Experiência do Usuário"

Funcionário do Google

Olá pessoal!

 
Hoje vou abordar alguns pontos para ajudar editores a melhorarem seus sites com o objetivo de oferecer uma ótima Experiência do Usuário. 
 
Contraste e Tamanho: 
Use os tamanhos e cores a seu favor. Para dar ênfase para algo que se deseja chamar a atenção, um produto a ser vendido, por exemplo, destaque o nome do produto com cores e tamanhos diferentes do resto do site. Assim, irá atrair a visualização de potenciais compradores facilmente. Claro, tome cuidado para não usar diversas cores e tamanhos de letra e chamar a atenção para tudo (e nada!) ao mesmo tempo. 
 
Espaço em Branco: 
Já ouvi muita gente falando que não gosta de "espaços em branco" pelo site porque transmite uma ideia de falta de conteúdo. Mas alto lá: isso também pode ser bastante vantajoso se for usado da maneira correta. Acho que o melhor exemplo disto é o próprio layout do Google.com que basicamente apresenta uma tela branca e uma caixa de busca centralizada. Isto é, não dá espaço para o usuário fazer alguma coisa que não seja... fazer uma busca Smiley feliz Bom, se eu (editor) tenho um único objetivo na minha página, por que dar várias opções ao usuário? Não estou dizendo que as páginas devem ter apenas uma função, com certeza não, mas por exemplo, se desejar que um usuário compre um produto é legal dar bastante ênfase no ara ele  (Contraste e Tamanho) e não lotar a página de outros produtos, textos e qualquer outra coisa que possa desviar a atenção da compra.
 
Equilíbrio e Estrutura
Esse tópico também é muito interessante e acredito que possa ser melhor explorado em diversos sites. Todo site segue um padrão (ou ao menos deveria) de grades que dividem/organizam o conteúdo. As mais eficazes são aquelas que tomam uma forma geométrica se você ligar os pontos destas grades. No caso da buca do Google, temos 3 retângulos principais, veja o exemplo:
 
GradesUX.png
Estas grades ou linhas, invisíveis ou não, ajudam o usuário a se localizar: onde é a região de conteúdo, sidebar, região dos anúncios, botões de redes socias, comentários e assim por diante. 
O desequilíbrio cria tensão ao usuários pois dá a sensação de desorganização. As grades ajudam a manter o equilíbrio e estrutura além de guiar os olhos dos usuários. Posicionar algo fora ou entre as grades é uma forma de atrair atenção também. A hierarquia do conteúdo define o que é importante e o que o usuário deve ver em seguida. 
 
Além de ter uma página interessante, com bom layout, organizado e de fácil navegação, como podemos ir além e encantar nossos usuários? No próximo post irei  falar sobre este tema e dar alguma dicas para o editor ir além de um bom layout. 
 
Espero que tenham gostado. Aproveitem as dicas para adaptá-las ao negócio de cada um Smiley feliz
 
Bia
 
Especialistas responderamverified_user
1 SOLUÇÃO ACEITA

Soluções aceitas
Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita por Silvia S (Gerente da Comunidade)
Setembro 2015

Beatriz,   Adorei sua dicas, principalmente o trecho em q...

Aprendiz ✭ ✭

Beatriz,

 

Adorei sua dicas, principalmente o trecho em que você diz:

 

"Acho que o melhor exemplo disto é o próprio layout do Google.com que basicamente apresenta uma tela branca e uma caixa de busca centralizada. Isto é, não dá espaço para o usuário fazer alguma coisa que não seja... fazer uma busca"

 

É exatamente isso que enfatizo no caso de LPs, temos que direcionar o foco do usuário para um único objeto de conversão, seja ele um produto, busca, formulário, download... etcetera.  O único objetivo dele naquela página deve ser gerar uma valiosa conversão.

 

Att..

Leydiane Lima
"Conhecimento é como moeda: para ter valor, precisa circular" - Louis L' Amour.

Exibir solução no post original

Marcado como Melhor Resposta.
Solução
Aceita por Silvia S (Gerente da Comunidade)
Setembro 2015

Beatriz,   Adorei sua dicas, principalmente o trecho em q...

Aprendiz ✭ ✭

Beatriz,

 

Adorei sua dicas, principalmente o trecho em que você diz:

 

"Acho que o melhor exemplo disto é o próprio layout do Google.com que basicamente apresenta uma tela branca e uma caixa de busca centralizada. Isto é, não dá espaço para o usuário fazer alguma coisa que não seja... fazer uma busca"

 

É exatamente isso que enfatizo no caso de LPs, temos que direcionar o foco do usuário para um único objeto de conversão, seja ele um produto, busca, formulário, download... etcetera.  O único objetivo dele naquela página deve ser gerar uma valiosa conversão.

 

Att..

Leydiane Lima
"Conhecimento é como moeda: para ter valor, precisa circular" - Louis L' Amour.

Olá

Estudante ✭ ✭

Informações importantes. Assim ficou mais fácil fazer uma análise.

 

Obrigada!